Opinião

Hoje é Melhor do Que Para Sempre (S. D. Gold)

Opinião

Maus (Art Spiegelman)

Opinião

A Escolha dos Três (Stephen King)

Opinião

A Cúpula (Stephen King)

sexta-feira, 1 de Agosto de 2014

Português é a segunda língua mais feliz do mundo



«Uma universidade norte-americana quis descobrir quais são as línguas que usam mais palavras felizes. Os investigadores selecionaram 10 idiomas e, após o cruzamento de dois indicadores, concluíram que o português é a segunda língua mais "feliz" do mundo.

Classificando os idiomas como uma “sofisticada tecnologia humana”, os autores do estudo explicam que, conforme a sua complexidade, estas ferramentas são tão poderosas que "influenciam o desempenho das sociedades e dos indivíduos", podendo até "condicionar escolhas económicas".

O grupo da Universidade de Vermont (EUA) quis confirmar uma teoria desenvolvida, nos anos 60, pelos investigadores norte-americanos Boucher e Osgood. Apelidada de Pollyanna, esta hipótese defende que o ser humano, em particular na sua comunicação com o outro, recorre mais frequentemente a termos positivos do que negativos. Contudo, estes investigadores avaliaram palavras isoladas, pelo que os seus resultados foram considerados pouco conclusivos.

Desta vez, os investigadores analisaram 24 textos complexos e longos (retirados de jornais, livros, Internet e outros suportes) que foram traduzidos para 10 línguas de origens e culturas distintas – inglês, espanhol, francês, português (do Brasil), coreano, russo, indonésio e árabe.

A equipa fez dois tipos de avaliação: por um lado definiu quais eram os vocábulos mais usados em cada língua, por outro fez uma avaliação da interpretação que os falantes faziam (positiva ou negativa) dessas mesmas palavras mais utilizadas.

Com base na interpretação que cerca de 5 milhões de participantes fizeram de 5 mil a 10 mil palavras em cada texto - numa pontuação que variava entre 01 (triste) e 09 (feliz) - os investigadores concluíram que a língua portuguesa é a segunda língua “mais feliz” do mundo. No primeiro lugar do pódio da "felicidade linguística" ficou o espanhol e a medalha de bronze foi para a língua inglesa.»

Via Boas Notícias. Mais informações aqui.

quinta-feira, 31 de Julho de 2014

Laura Pausini revela a vagina ao encerrar concerto


«Laura Pausini passou por um momento muito embaraçoso durante o seu último concerto em Lima, no Peru.

A cantora italiana, de 40 anos, apresentou-se na 38.ª edição da Feira do Lar do Peru, onde foi intensamente aplaudida. Já no camarim, a despir-se, Laura Pausini cedeu à insistência do público e regressou ao palco, de robe, para cantar mais um tema. Nua por baixo, a artista foi traída pelo vento e não conseguiu mesmo disfarçar o embaraço, interrompendo o tema.

"Pois, se viram, viram, também tenho... como todas... Boas noites", disse, despedindo-se e saindo do palco.»

Confira abaixo a versão integral do incidente:


E abaixo o vídeo do incidente isolado:



Via Lux.

Elle francesa declara o fim do topless na praia


«É este o fim da moda do topless? Ao que parece, sim — pelo menos em França. A Elle daquele país sugere que a tendência tem os dias contados, até mesmo na Riviera Francesa. A principal razão tem por base questões de saúde associadas à prática. Mas não só.

Se por um lado a crescente consciencialização dos riscos de cancro da pele (e ainda dos danos causados pelos raios UV) deixam as mulheres menos suscetíveis a tirar a roupa, por outro, a perceção pornográfica do ato também pesa na balança. Além disso, mostrar o peito está cada vez mais conotado com manifestações feministas, cujo objetivo é promover os direitos das mulheres.

O Guardian, que também escreve sobre o tema, lança para o debate o grupo feminista Femen e a recente campanha Free the Nipple, que encoraja mulheres a ficarem em topless para acabar com o estigma em torno de corpos femininos.

O artigo da Elle, intitulado “La fin du topless sur la plage?”, diz que o topless foi visto pelas mulheres como uma nova forma de liberdade em St Tropez na década de 1960. A situação, descreve a edição de verão da revista, é um “sinal preocupante de uma regressão tendo em conta o lugar das mulheres” — na sociedade, entendemos.

Desde que Brigitte Bardot tirou a parte de cima do biquini na Riviera Francesa, que a correlação entre mostrar as mamas e liberdade feminina foi vista como um sinal de igualdade entre géneros. Agora serão poucas as mulheres que seguem o exemplo da atriz. “Parece extraordinário e deprimente”, escreve o Guardian

Via Observador.

Agora é a televisão que implica com nudez de Eva Green


«Primeiro era demasiado sexy para o cinema, agora é a TV que quer tapar Eva Green. A antiga Bond Girl não consegue ficar sossegada por causa do filme Sin City: A Dame to Kill For, com Jessica Alba e Josh Brolin.

Lembra-se do movimento #FreetheNipple? Enquanto isso decorria, um póster do filme Sin City: A Dame to Kill For era banido pela MPAA – aqueles tipos que fazem a avaliação dos filmes. Na altura, disseram que a nudez de Eva Green era inapropriada. Ou melhor, aquela aréola à volta do mamilo era "too much". [...] O estúdio teve de retocar a imagem.

Agora veio o New York Post dizer que a imagem de Green continua a inquietar. Na semana passada, a ABC rejeitou um trailer do mesmo filme porque parece que a actriz aparece nua.

Green já veio dizer, numa entrevista à Vanity Fair depois do primeiro burburinho à sua volta, que há coisas mais graves. “Há tantas cenas violentas noutros filmes. Isto é suave. Não estou nua. Apenas sugere. Eu acho muito sexy”.»

Confira abaixo o trailer da discórdia:



Via Sol.

Miley Cyrus publicou (mais) uma foto ousada no Instagram


«Para os fãs que se questionam o que ela veste quando vai dormir, Miley Cyrus deu a resposta. A artista, de 20 anos, publicou no Instagram uma fotografia de si mesma ao acordar, deitada na cama com os seus "melhores amigos" de quatro patas, e agarrada aos seios, tapando-os apenas com a roupa de cama.

Numa outra imagem capturada no momento, ainda em poses ousadas, fez a sua já tradicional expressão com a língua de fora.»

Via Jornal de Notícias.

Cláudia Vieira é capa da Women's Health da Rússia


«Cláudia Vieira soma sucessos dentro e fora de Portugal. A atriz, que se prepara para apresentar a próxima edição do programa Factor X, é capa da edição de agosto da Women's Health, da Rússia.

Após ter sido protagonista da primeira capa da edição portuguesa, também a edição russa quis ter Cláudia Vieira na capa da edição daquele país. A atriz de 36 anos sucede assim a nomes como Sofia Vergara, Heidi Klum, Pink, Jessica Alba, Miranda Kerr, todas elas capa em edições anteriores da Women's Health Rússia.

Recorde-se que a Women's Health é uma das principais publicações mundiais femininas cujo foco é a saúde, beleza e lifestyle, com milhões de leitoras espalhadas por todo o mundo.»

Via Lux.

Na Pele de Meryl Streep (Mia March)


Na Pele de Meryl Streep
Por: Mia March
Edição: Bertrand Editora
Título Original: The Meryl Streep Movie Club
Tradução: Catarina Andrade
Páginas: 334
PVP: 16,60 €
Compre aqui

Chegam às livrarias esta sexta-feira um romance sobre amizade, amor e noites de cinema... com Meryl Streep.

Confira abaixo a sinopse de Na Pele de Meryl Streep:
Duas irmãs e uma prima, que foram criadas juntas, regressam à casa onde cresceram. Assim, Isabel, June e Kat acabam a partilhar o espaço no sótão da pousada de Lolly, e com tanto para contar depois de tantos anos. Mas quando Lolly as convida a participarem na noite de cinema que realiza semanalmente para os hóspedes – coincidindo ser o mês da Meryl Streep – começam a partilhar segredos, falando até altas horas da noite e questionando tudo: a vida, o amor e aquilo que julgavam saber umas das outras. Cada uma vê a sua vida refletida na magia do cinema: o marido de Isabel tem uma amante; June prometeu ao filho de sete anos que tudo fará para descobrir quem é o seu pai e Kat, entre a espada e a parede, não sabe se há de aceitar a proposta de casamento que lhe fez o seu melhor amigo. E agora, além disso, Isabel, June, Kat - e Meryl – têm de estar ali por Lolly, já que ela sempre as ajudou a encontrarem-se a si mesmas, umas às outras e a lutarem por um final feliz.

quarta-feira, 30 de Julho de 2014

Kylie Minogue na GQ Itália: Fotos


«Com uma silhueta invejável, Kylie Minogue posou para a capa da nova edição da revista GQ. Aos 46 anos, a cantora exibiu o seu lado mais atrevido e divertido.

Na imagem, Kylie imita o famoso anúncio ao protetor solar Coppertone, de 1950, deixando um poodle preto puxar-lhe a parte de baixo do biquíni com os dentes.

Em 2013, Kylie Minogue separou-se de Andrés Velencoso. Juntos há 5 anos, a cantora e o modelo terminaram o namoro, alegadamente devido à agenda atribulada da artista.

Kiss Me Once, editado este ano, é o mais recente álbum da australiana e o 12.º disco de estúdio da sua carreira. "Into The Blue" é o tema de apresentação.»

Confira abaixo as restantes fotos da sessão de Kylie Minogue para a GQ Itália.


Notícia via Lux.

Sabina Altynbekova é demasiado bonita para jogar voleibol



«Uma jovem jogadora de voleibol tem sido motivo de destaque na imprensa internacional e tem colecionado fãs nas redes sociais. Sabina Altynbekova, de 17 anos, pertence à seleção sub-19 do Cazaquistão, mas mais do que o que faz em campo é a sua beleza que tem dado que falar.

Para além de muitos admiradores, Sabina Altynbekova também tem bastantes críticos, o mais fervoroso dos quais é precisamente o seu selecionador, Nurlan Sadikov, que considera que a jovem é "demasiado bonita" para jogar.

Sadikov diz que a atenção dada a Sabina Altynbekova, por causa dos seus atributos físicos, é prejudicial à equipa, uma vez que o público se esquece do resto das jogadoras.

"É impossível trabalhar assim! A multidão comporta-se como se só houvesse uma jogadora", disse ao Huffington Post o treinador, referindo-se a um torneio recente em Taiwan, depois do qual a atleta ganhou especial destaque na Internet.

Sabina Altynbekova tem páginas e páginas de fãs, milhares de likes nas suas fotografias do Instagram e há vídeos da jovem no YouTube com mais de um milhão de visualizações.»

Via Correio da Manhã.

Dita Von Teese lança lingerie para grávidas e novas mães



«Dita Von Teese, de 41 anos, lançou a Von Follies by Dita Von Teese, uma linha de lingerie dedicada a grávidas e mulheres que tenham sido mães há pouco tempo.

Em parceria com uma marca de roupa interior dedicada à maternidade, a coleção foca-se nas tendências retro, e tem como objetivo proporcionar à mulher um melhor bem-estar durante e após a gravidez, sem esquecer o lado estético.

Os produtos já estão disponíveis no site da Destination Maternity e vão custar entre 30 a 40 euros.

Esta é a primeira linha de lingerie lançada por Dita Von Teese. A estilista tornou-se famosa ter reinventado o estilo pin-up, famoso nos anos 40 e 50. Entre 2001 e 2006, foi casada com o músico Marilyn Manson.»

Via Notícias ao Minuto.

Chinês vai ao médico e descobre que é uma mulher



«Um homem de 45 anos, natural da província de Zhejiang, na China, descobriu que era, afinal, uma mulher, quando procurou um médico depois de sentir fortes dores de barriga.

Segundo o Daily Mail, Chen (o seu último nome não foi divulgado) começou por sentir fortes dores no abdómen e alguns dias mais tarde notou que havia sangue na sua urina. Decidiu ir ao hospital e, depois de vários exames, os médicos descobriram que o sangue era na verdade a sua primeira menstruação.

Apesar de Chen ter um órgão sexual masculino, uma ecografia revelou que também possui um útero e ovários. Uma verdadeira surpresa para o chinês que garante ter uma vida sexual normal com a sua esposa há mais dez anos.

Exames complementares revelaram que Chen tem dois cromossomas XX, ou seja, é geneticamente uma mulher. O homem sofre de uma doença genética apelidada de Síndrome do Macho XX (também chamado de síndrome de Chapelle), que permite o desenvolvimento de algumas características masculinas mesmo quando não existe nenhum cromossoma Y.

A doença tem tratamento, mas só em pessoas mais jovens, no caso de Chen, não há nada a fazer.»

Via TVI 24.

Clube sul-coreano substitui adeptos por robôs



«Um clube de basebol sul-coreano que acumulou centenas de derrotas nos últimos anos encontrou uma solução inédita para resolver o problema da falta de público nas bancadas e ter a "casa cheia" de adeptos.

A agremiação adotou robôs. Isso. São máquinas transformadas em elementos da claque que até, imagine-se, afinam cânticos e fazem a tradicional ola: o efeito de onda protagonizado pelas multidões nas bancadas dos estádios.

Nos últimos cinco anos, o Hanwha Eagles (Águias Hanwha em tradução literal) somou mais de 400 derrotas. Este historial fez com o público os apelidasse já de "monges budistas" ou, de forma mais provocadora, "Galinhas Hanwha".

Ora, com a solução encontrada para assegurar o apoio do "seu" público, os adeptos dos Hanwha Eagles que não possam ou prefiram não pôr os pés nos estádios - para não serem confrontados com mais derrotas humilhantes - podem controlar as máquinas pela Internet, de modo remoto, e até carregar as suas fotos para aparecerem nos ecrãs instalados na zona facial dos robôs.

"É também uma alternativa de obter receita. Os clubes podem cobrar, mesmo que pouco, para dar aos adeptos uma 'visão alternativa'", comenta um editor da revista Sport Business International.

Com o fraco nível de assistência de público de que se queixam alguns clubes profissionais do futebol português, só falta que a moda "pegue"...»

Via Diário Digital.

Estações televisivas negam ter recusado anúncio de Futre



«As estações televisivas generalistas negaram que tenham censurado o anúncio de um estimulante sexual protagonizado por Paulo Futre, que já se tornou um fenómeno de popularidade na Internet. Divulgado através do YouTube no dia 24, o vídeo já foi visto mais de 400 mil vezes, mostrando o ex-futebolista a dar toques numa bola (aparentemente com o pénis).

"Este filme foi realizado para televendas, em que anunciamos em permanência nos três canais generalistas e cinco canais de cabo", disse ao Diário de Notícias o business development manager da Bliss Natura, Paulo Miranda. "Ora, o filme, que promove o nosso estimulante sexual Libidium Fast, foi censurado por dois canais, um generalista e outro do cabo, o que procurámos ultrapassar diplomaticamente", explicou.

"Quando percebemos que tal era inultrapassável, decidimos respeitar as decisões editoriais dos referidos canais, encerrando o problema com a publicação exclusiva do filme no nosso [canal de] YouTube", concluiu, sem precisar que canais rejeitaram o anúncio.

Contactadas pela publicação, as [estações televisivas] negam que tenham censurado o spot publicitário.

"A direção comercial recebeu um spot que está no ar. Sobre o spot em apreço, a RTP não recebeu», disse fonte oficial [da RTP] ao jornal.

"Este anunciante tem e teve outros filmes em campanha. Como não recebemos o filme, não existiu qualquer análise da nossa parte", afirmou, por seu lado, uma fonte da SIC.

"O spot nunca chegou à TVI", destacou fonte oficial da estação de Queluz.»

Via Diário Digital.

O Nadador (Joakim Zander)


O Nadador
Por: Joakim Zander
Edição: Suma de Letras
Título Original: Simmaren
Páginas: 464
PVP: 17,70 €
Compre aqui

A Suma de Letras «apadrinha» a chegada do autor sueco Joakim Zander às livrarias portuguesas.

Confira abaixo a sinopse de O Nadador:
Um thriller viciante que não poderá parar de ler. Damasco. Uma noite quente no princípio dos anos 80. Um agente americano entrega a sua bebé a um destino incerto, uma traição que jamais se perdoará e que será o começo de uma fuga de si próprio. Até ao dia em que não pode continuar a esconder-se da verdade e se vê obrigado a tomar uma decisão crucial. Trinta anos depois, Klara Walldéen, uma jovem sueca que trabalha no Parlamento Europeu, vê-se envolvida numa trama de espionagem internacional na qual está implicado Mahmoud Shammosh, o seu antigo amante e ex-membro das forças especiais do exército sueco. Klara e Mahmoud transformam-se no alvo de uma caçada através da Europa, um mundo onde as fronteiras entre países são tão ténues como a linha que separa um aliado de um inimigo, a verdade da mentira, o passado do presente.

terça-feira, 29 de Julho de 2014

Os homens (já) não preferem as loiras



«Um grupo de investigadores da Universidade de Wisconsin, nos EUA, concluiu que hoje em dia os homens já não preferem apenas uma cara bonita, preferem as mulheres inteligentes.

O estudo confirma uma nova realidade que é uma inversão relativamente ao que acontecia nos anos 1950, altura em que a diva Marilyn Monroe protagonizou o filme Os Homens Preferem as Louras. Nesse período, o casamento durava mais se o homem tivesse um nível mais elevado de educação do que a mulher.

Mas a tendência mudou. Partindo da análise ao destino de milhares de casais norte-americanos que casaram entre 1950 e 2004, os investigadores descobriram que a tendência actual é para “um modelo mais igualitário de casamento onde o estatuto da mulher é menos ameaçador para a identidade masculina”.

Apesar das manifestações do feminismo nas décadas de 1960 e 1970, a preferência por uma mulher com menos estudos (e o medo de uma mais inteligente) durou até 1980. Entre 1950 e 1979, os casamentos em que as mulheres tinham um nível educacional superior ao do marido tinham uma maior probabilidade de acabar em divórcio.

A geração de homens que casou no início dos anos 1990, foi a primeira a ser feliz com mulheres tão ou mais inteligentes que eles. “Os casais dos anos 1990 estão entre os primeiros para quem a educação da mulher deixou de estar associada a um maior risco de divórcio”, dizem os investigadores, citados pelo jornal The Independent.

Para estas alterações, há um motivo: a adaptação da sociedade ao progresso das mulheres no mercado de trabalho e na educação. Um progresso que se traduz numa crescente igualdade de género.

Segundo a equipa de investigadores, os resultados obtidos comprovam que os receios ligados ao crescimento educacional das mulheres e à sua emancipação são infundados.»

Via Público.

Rihanna foi a banhos em praia-esgoto brasileira



«A cantora Rihanna esteve no Brasil para assistir à final do Mundial de 2014 e partilhou com os seus seguidores do Instagram vários momentos da viagem, entre os quais fotografias num esgoto a céu aberto no Rio de Janeiro.

Antes do jogo da final, a cantora aproveitou para se divertir com umas amigas pela cidade e, à procura de um lugar mais reservado, acabou por nadar na Praia da Urca, uma praia proibida a banhos pelo Instituto do Ambiente brasileiro por ser usada para desaguar esgotos sem tratamento.

Sem ter conhecimento da situação, Rihanna entrou no mar e brincou com as amigas enquanto bebia um copo e tirava fotografias.»

Via Correio da Manhã.

"Kim Kardashian: Hollywood" rendeu 150 milhões num mês



«Kim Kardashian é uma das celebridades mais badaladas do momento. Além do seu recente casamento com o rapper Kanye West, a socialite continua a ter grande sucesso com o programa televisivo Keeping up with the Kardashians. Mas agora Kim também faz sucesso nos jogos virtuais.

Um mês depois do seu lançamento, Kim Kardashian: Hollywood rendeu 150 milhões de euros. Neste jogo, o utilizador pode viver a vida da socialite: fazer compras, desfilar nas passadeiras vermelhas, viajar e fazer sessões fotográficas.

A aplicação, disponível na loja virtual da Apple, é gratuita, mas os jogadores podem comprar itens, como peças de roupa e jóias.»

Via Nova Gente.

O Deserto dos Tártaros (Dino Buzzati)


O Deserto dos Tártaros
Por: Dino Buzzati
Edição: Marcador
Título Original: Il Deserto dei Tartari
Páginas: 256
PVP: 15,50 €
Compre aqui

A Marcador acaba de publicar um grande clássico literário, baseado na experiência vivida por Dino Buzzati quando serviu no exército, antes da Segunda Guerra Mundial.

Confira abaixo a sinopse de O Deserto dos Tártaros:
O Deserto dos Tártaros é unanimemente considerado o melhor romance de Dino Buzzati e uma das obras-primas do século XX. É a história poderosa e algo irónica de uma Companhia num posto militar fronteiriço, preparada e na expectativa de enfrentar um inimigo que nunca chega, mas incapaz de avançar ou recuar.

Esta obra baseia-se na experiência vivida por Dino Buzzati quando serviu no exército, antes da Segunda Guerra Mundial. O livro vive das ressonâncias que o ligam com alguns dos problemas mais profundos da existência: a segurança como valor contraposto à liberdade, a resignação progressiva perante as oportunidades de realização na vida e a frustração das expectativas de concretizar feitos excecionais que mudem o sentido da existência.

Terrorista falhou atentado por não trocar de cuecas



«Um terrorista que conseguiu entrar num avião com um dispositivo de explosivos instalados na sua roupa interior frustrou o atentado por ter usado as cuecas durante duas semanas. Resultado: o dispositivo não funcionou devido à falta de higiene que afectou o detonador dos explosivos.

A informação sobre a causa do fracasso do atentado foi agora divulgada por uma entidade oficial norte-americana, segundo o jornal The Telegraph.

O caso, que ficou conhecido como o atentado das "cuecas-bomba", aconteceu no dia de Natal de 2009. Umar Abdulmutallab, um nigeriano educado na Grã-Bretanha, foi bem sucedido a introduzir o dispositivo com explosivos num avião com destino a Detroit, nos EUA. Este tinha a aparência – e o uso – de uma peça de roupa interior.

Dentro do aparelho, Umar conseguir espoletar o engenho, mas este não explodiu como devia, apenas causando queimaduras ligeiras no bombista.

John Pistole, responsável pela Administração de Segurança nos Transportes norte-americana, disse [na passada] quinta-feira que a bomba falhou porque Umar usou a mesma roupa interior, leia-se o dispositivo, durante pelo menos duas semanas.

Questionado sobre se a razão do fracasso tinha sido a existência de "humidade" no detonador, Pistole respondeu: “Digamos que ele ficou degradado”.

O terrorista frustrado, de 27 anos e com ligações à Al Qaeda, foi entretanto condenado à prisão perpétua por tentativa de uso de arma de destruição maciça e assassínio sob a forma tentada.»

Via Sol.

Borussia oferece aulas de canto a Schweinsteiger



«O Borussia Dortmund reagiu com cavalheirismo à má educação de Bastian Schweinsteiger, captada em vídeo, expressa quando o médio do Bayer Munique [entoou um cântico ofensivo] em plena celebração pelo título mundial conquistado pela seleção alemã no Brasil. Levado pelo calor do momento, Schwensteiger cantou: "BVB filhos da puta". O médio pediu desculpas mais tarde.

O clube de Dortmund reagiu através de um comunicado, no qual manifesta compreensão, atendendo ao contexto de festa, num registo marcado pelo bom-humor:

"Caro Bastian Schweinsteiger. Não há qualquer problema que bebas umas quantas cervejas, que descomprimas e cantes uma canção sem que realmente tenhas pensado bem no que estavas a fazer, depois de ganhar Mundial."

"Sempre te vimos com um tipo justo. Nunca teríamos criado um caso por causa do teu cântico e, como é óbvio, aceitamos as tuas desculpas. Desejamos-te umas ótimas férias na Croácia", pode ainda ler-se no comunicado, que tem o seguinte post scriptum: "Podes sempre afinar o teu cantar. Avisa se precisares de umas lições, teremos o maior prazer em te ajudar."»


Via Record.

O Olho de Deus (James Rollins)


O Olho de Deus
Por: James Rollins
Edição: Bertrand Editora
Título Original: The Eye of God
Páginas: 440
PVP: 17,70 €
Compre aqui

Acaba de chegar às livrarias nacionais o nono livro da popular série «Força SIGMA», de James Rollins.

Confira abaixo a sinopse de O Olho de Deus:
Numa área remota da Mongólia, despenhou-se um satélite de investigação, desencadeando uma busca frenética pela sua carga valiosa: o projeto de um físico ligado ao estudo da energia negra - e uma imagem chocante de destruição da Costa Leste dos EUA.

Ao Vaticano, chega uma encomenda contendo dois estranhos objetos: uma caveira com gravações em aramaico antigo e um livro encadernado com pele humana. Os testes de ADN revelam que pertenceram ao mesmo corpo: o rei mongol Gengis Khan.

O comandante Gray Pierce e a Força Sigma preparam-se para descobrir uma verdade ligada à decadência do Império Romano e a um mistério que remonta ao início da Cristandade, assim como a uma arma escondida há séculos e que encerra em si o futuro da humanidade.